Super User

Super User

Quando o marido de Aster* foi pego orando com amigos, as autoridades da Eritreia o prenderam e o jogaram na prisão por tempo indeterminado. Aster foi deixada sozinha para cuidar de si e de quatro filhos, sem saber se algum dia veria o marido novamente. "Não tínhamos nada naquele momento. Até o aluguel da casa não foi pago. Mesmo se eu tivesse um emprego, não seria suficiente para cobrir nossas despesas”, revela Aster.

Na Eritreia, é ilegal os cristãos adorarem fora das igrejas reconhecidas pelo Estado. Mesmo orar em um pequeno grupo, como o marido de Aster, pode levar à prisão. "Quando eu disse às crianças que o pai foi preso, elas ficaram chocadas. Eu li o livro de Atos sobre o sofrimento que os primeiros cristãos enfrentaram e isso os fez se sentirem um pouco melhor”, conta a cristã. Aster conseguiu iniciar um novo negócio graças aos parceiros locais da Portas Abertas. "Se não fosse por isso, não sei o que seria de nós", afirma Aster.

Esperança para o futuro da igreja

À medida que a perseguição aumenta em todo o mundo, os cristãos estão perdendo tudo por seguir a Jesus. E não são apenas adultos. A perseguição está ameaçando a próxima geração e o futuro do evangelho. Os filhos de Aster são ameaçados por causa da fé em Jesus.

"Meu filho mais velho sempre é intimidado e insultado por causa da fé. Minha filha já recebeu três avisos da escola por compartilhar a fé e lhe disseram para não falar com nenhuma criança, mesmo durante as férias escolares. Um dia, alguns de seus colegas atiraram pedras nela e atingiram seu estômago. Eles dizem com frequência que ela não merece ser amiga deles. Às vezes, eles também jogam pedras em nossa casa”, conta a mãe preocupada.

Mesmo que a próxima geração já esteja enfrentando pressão por causa de fé, há uma esperança. Onde quer que o evangelho esteja sendo pregado, existe perseguição. Muitos estão se apegando ao evangelho e se recusando a mantê-lo para si. Embora a perseguição ao redor do mundo esteja aumentando, tanto em probabilidade quanto em intensidade, a fé da próxima geração mostra que ela está disposta a seguir Jesus, não importa o custo.

"Minha filha não tem medo da perseguição e sempre me diz que esse sofrimento é a vontade de Deus para nós, porque nada acontece sem a vontade de Deus. Mesmo que eles continuem machucando-a fisicamente, ela não se importa. Ela sempre diz: Deus não vai me decepcionar. Estou pronta para segui-lo até a morte", conta Aster. 

*Nome alterado por segurança.

Pedidos de oração

- Peça para que, apesar das limitações da igreja, o evangelho continue crescendo entre os eritreus.

- Interceda pela família de Aster, e por seu esposo que permanece desaparecido.

- Clame em favor das crianças e adolescentes que já são alvo de perseguição em diversos países. 

Segunda, 01 Outubro 2018 16:54

10 erros que os jovens não podem cometer

1. NÃO LEVAR A SÉRIO A LEI DA SEMEADURA. (Gl 6:7)
A) Semear é opcional, colher é obrigatório.

B) Tudo na vida é uma questão de semeadura.

C) Quem semeia honra colhe longevidade.

D) Palavras são sementes que lançamos no solo do coração da pessoas.

Assista em vídeo este Estudo Bíblico no Canal da Bíblia Sagrada

2. DAR MAIS VALOR À APARÊNCIA FÍSICA, DO QUE PARA A BELEZA DO CARÁTER. (1 Pe 3:2-4)

A) Não basta ter casca, mas não ter conteúdo.

B) Não basta ser aplaudido pelos homens, e não ser aprovado por Deus.

C) Quem você é, é mais importante do que aquilo que você faz.

D) Talento é um dom, caráter uma escolha.

3. NÃO PROTEGER A ÁREA DA SUA VIDA QUE É MAIS VULNERÁVEL AO PECADO. (Mt 26:41)

A) Sansão terminou sua vida de forma trágica, porque brincou onde não deveria brincar. Sansão flertou com o pecado, brincou com a tentação.

B) Ele não protegeu seu ponto fraco.

C) Qual é o seu ponto fraco, comer demais, falar demais, o sexo ilícito, o temperamento, a Ira, o dinheiro, a pornografia etc…

4. NÃO TER COMPROMISSO COM UMA LISTA DE PRIORIDADES ORDENADAS. (Mt 6:33)

A) O que deve vir em primeiro lugar na vida de alguém que nasceu de novo, que serve ao Senhor?

B) Diz a Palavra: “Buscai em primeiro lugar o Reino de Deus…”

5. NÃO INVESTIR NO SEU FUTURO.

A) Quem pensa só no momento, amanhã sofrera com a dor do arrependimento.

B) Planejar significa pensar antecipadamente.

C) Quem investe no seu futuro, tem visão, sabe aonde quer chegar, tem objetivos na vida.

6. NÃO INVESTIR NO SEU CRESCIMENTO PESSOAL.

A) Quem escolhe a mediocridade, não se destaca e sua história nunca será contada.

B) Não há crescimento sem pré-disposição para as mudanças necessárias.

C) Não há crescimento sem a dor da disciplina. Aceite a dor da disciplina para não chorar com a dor do arrependimento.

7. FAZER PORQUE TODOS ESTÃO FAZENDO. (1 Co 10:23)

A) Quem faz só porque todos estão fazendo, não tem opinião própria e nem personalidade.

B) Suas decisões revelam qual é o seu código de valores.

C) Seu código de valores revela a qualidade do seu caráter.

D) O jovem que tem um caráter cristão decide sempre com base em princípios, ainda que a maioria esteja fazendo, se é contra as escrituras ele não faz.

8. NÃO PERDOAR OS PAIS… (Mt 18:21,22)

A) Pais ausentes. (Nunca tem tempo para os filhos.)

B) Pais agressivos (Ele passou a cueca suja no rosto do filho. )

C) Pais que foram infiéis. (Ela pegou a mãe beijando outro na cozinha.)

D) Pais que abandonaram. (O pai foi embora, sem Dar satisfação à ninguém.)

E) Pais que são homossexuais. (A mãe abandonou o pai e foi morar com outra mulher.)

F) Pais que abusaram dos filhos física ou psicologicamente. (Com 7 anos ela foi abusada pelo pai.)

G) Pais alcoólatras – (Meu pai FICA irreconhecível quando chega embriagado.)

Quem não perdoa:

· Destrói a Ponte que um dia vai precisar usar.

· Desenvolve um câncer na alma.

· Nunca vai experimentar o milagre da transformação em sua Casa.

· Coloca-se debaixo da Ira de Deus.

· Não tem Paz.

· Abre uma brecha enorme na alma para a depressão.

· Não tem suas emoções conquistadas.

· Diz não para Deus e sim para o diabo.

· Vive como um prisioneiro dos sentimentos negativos.

9. SEMPRE TRANSFERIR A CULPA PARA ALGUÉM, NUNCA ASSUMINDO RESPONSABILIDADE. (Gn 3:10-13)

A) A sua vida é o resultado das escolhas que você faz.

B) Ninguém pode decidir por você.

C) Quando transferimos toda culpa para o diabo, não sentimos necessidade de mudar.

D) Não há mudança quando a pessoa não reconhece que precisa mudar.

10. NÃO TER PARCEIROS DE ORAÇÀO E NEM CONSELHEIROS .

A) Daniel, Ananias, Misael e Azarias eram parceiros de oração. (Dn 2:17,18)

B) Um conselho pode nos livrar do caminho da morte. (Pv 16:25; Pv.12:15; Pv 27:9).

C) A Bíblia diz que o cordão de três dobras não se quebra com facilidade. (Ec 4)

Por Pr. Josué Gonçalves
Fonte: Estudos Cristãos

A televisão pública alemã ARD-SWR gastou quatro minutos para mostrar o crescimento de um novo modelo de igrejas cristãs na Alemanha que, segundo a reportagem, experimenta um “boom”.

A matéria do programa de notícias de Baden-Württemberg SWR conclui que as igrejas evangélicas crescem porque oferecem "uma mensagem antiga" em "uma nova embalagem".

O que são igrejas livres? E por que elas são tão bem recebidas?

A reportagem intitulada “Por que as igrejas livres estão crescendo?” visitou em Karlsruhe um culto de domingo da ICF (International Christian Fellowship), uma igreja evangélica livre presente na Alemanha e em outros países.

A matéria da TV destaca ainda o grande número de voluntários que ajudam a administrar as atividades da igreja. Também elogia a capacidade das igrejas livres de "acompanhar os [novos] tempos, produzindo e distribuindo seu conteúdo de maneira profissional".

Voluntários participam de todas as atividades da igreja. (Foto: Reprodução/Facebook)

A abertura à mudança, as atividades divertidas para as crianças ("como em um clube infantil de verão") e o esforço para "fazer com que os membros antigos e novos se sintam bem-vindos" também são causas para o sucesso dessas igrejas, de acordo com a reportagem.

Segundo a ARD-SWR, a ICF é uma das 24 igrejas livres reconhecidas na cidade.

A matéria começa com o testemunho de Alexandra, uma ex-católica que agora lidera a equipe de boas-vindas da igreja evangélica.

"Não somos ativos apenas no domingo, mas durante toda a semana, compartilhando nossa vida um com o outro, orando, estando lá um pelo outro. Sou apaixonada por isso", diz ela ao repórter.

Batismo realizado pelo pastor Steffen Beck, em julho. (Foto: Reprodução/Facebook)

A reportagem descreve as igrejas livres como "organizações religiosas reconhecidas que não pertencem às igrejas evangélicas [protestantes] ou católicas", que são definidas "por uma nova embalagem que contrasta com uma mensagem bastante antiga", diz o jornalista.

Steffen e Sibylle Beck, pastores principais da ICF em Karlsruhe. (Foto: Reprodução/Facebook)

Steffen Beck, pastor da ICF em Karlsruhe, disse à SWR: “A maioria das igrejas livres são igrejas conservadoras, não escondemos isso. Mas com isso queremos dizer que queremos manter os valores [cristãos] e não queremos reinventar a fé, mas nos apegamos à Bíblia e não a reescrevemos”.

“Nosso coração bate por uma igreja poderosa com uma mensagem clara que muda positivamente nossas vidas. Uma igreja onde as pessoas estão lá uma para a outra, encontrando novas perspectivas e se aproximando do futuro sem medo”, diz o pastor.

A matéria também comenta as finanças das igrejas livres. Mostra que alguns membros “dão até 10%” de sua renda mensal à igreja e o fato de que as doações podem ser feitas através da tecnologia.

A peça jornalística termina com uma voz crítica do editor de religião da SWR. Ele acredita que algumas igrejas livres "são muito fechadas para as relações ecumênicas".

 

O que fazer para ajudar pessoas viciadas em pornografia? Como orientar alguém que assume ser homossexual? Como orientar os jovens a se manterem em castidade em uma sociedade que banaliza o sexo e estimula a prática sexual de forma deliberada? Estas talvez sejam as questões mais desafiantes para o jovem cristão na atualidade. Vivemos em uma época em que “sexo livre” é moda, virgindade é coisa do passado e não ter experiência sexual é alvo de gozação. Muitas outras questões relacionadas ao tema poderiam ser amplamente discutidas. Porém, abordaremos alguns dos aspectos relacionados às questões acima, devido à sua premência

O Líder de Jovens e o aconselhamento
O líder deve desempenhar o papel de conselheiro, ajudando o adolescente e o jovem a lidar com os seus problemas e frustrações. Um líder que inspire confiança e se relacione bem com os seus liderados torna-se um conselheiro em potencial. Um adolescente ou um jovem que confie no seu líder jamais deixará de procurá-lo. Afinal, além de seus pais, ninguém melhor do que o líder para orientá-lo. O líder precisa pedir sabedoria a Deus para orientar o seu grupo da maneira correta, ajudando-o a dirimir suas dúvidas, fortalecendo a sua fé. Temas atuais podem ser tratados, tais como: namoro, sexualidade, prostituição,homossexualidade, AIDS, drogas, violência etc, como uma forma de despertá-los. 

O líder deve sempre estar disposto a assumir a tarefa plena para a qual Deus o chamou. Uma pessoa dotada de chamado divino tem a incumbência especial de proclamar as Boas Novas aos perdidos, ministrar a Palavra de Deus aos que foram regenerados pelo Espírito Santo e que hoje fazem parte da família de Deus, bem como desenvolver uma dinâmica integrada e globalizante com o seu grupo, a fim de promover neles estabilidade social, emocional e espiritual. O bom líder é capaz de prever o problema antes que este aconteça. Isso retrata a responsabilidade que lhe compete, com relação aos que lhes foram entregues para cuidar. 

Aconselhando jovens a fugirem da imoralidade
Como servir a Deus com fidelidade e se manter casto em dias em que a sexualidade é tão explorada? A indústria de entretenimento apresenta shows, filmes e novelas que promovem profanação, violência e sexo ilícito. A mídia em geral, principalmente a mídia televisiva, é responsável pelas mudanças dos valores morais e espirituais do adolescente, já que exerce influência nos conceitos, nas ideias e nos padrões de comportamento deste, levando essa nova geração à apelação da “liberdade sexual” explorada em filmes, novelas, debates, programas de humor, comerciais etc. A mídia mostra e incita apenas o lado do “prazer” e da “curtição”. Sua única providência é a difusão do sexo seguro por meio do incentivo do uso do preservativo Isso ocorre porque Satanás tem se apoderado dos meios de comunicação para enganar e iludir as pessoas, afastando-as de Deus.

Cada vez mais, as pessoas se tornam imorais, agindo desordenadamente. Os defensores do “sexo livre” esquecem que o adolescente e o jovem não estão tão preparados para encarar as consequências advindas dessa prática, tampouco os problemas sociais e espirituais que surgirão. O apóstolo Paulo, em 1 Coríntios 6.12, afirma: “Tudo me é permitido, mas nem tudo me convém. Tudo me é permitido, mas eu não deixarei que nada me domine”. A Bíblia nos orienta a fugirmos da imoralidade: “Fuja dos desejos malignos da juventude e siga a justiça, a fé, o amor e a paz, com aqueles que, de coração puro, invocam o Senhor” (2Tm 2.22); e ensina-nos a termos autocontrole: “Como a cidade com os seus muros derrubados, assim é quem não sabe dominar-se” (Pv 25.28). 

Ajudando pessoas com vício em pornografia 
Infelizmente, a pornografia tem sido cada vez mais usada como um meio diabólico de destruição da vida espiritual e moral de muitas pessoas. Na atualidade, ela se prolifera de forma avassaladora e atinge a todos, independentemente de idade, sexo ou estado civil. Com o advento da internet, o acesso à pornografia e a busca pela realização das chamadas fantasias sexuais ficou facilitado, tornando-se menos impeditivo alimentar e cultivar o vício secreto do sexo ilícito. O sexo foi criado por Deus de uma forma pura, com o propósito de proporcionar a satisfação do casal no matrimônio e a propagação da espécie. Satanás, no entanto, perverteu e transtornou o sexo, provocando abuso, distorção e aberração nesses preciosos instintos.

A prática da pornografia, ao entrar na vida do indivíduo, leva-o à dependência, gerando, algumas vezes, uma compulsão ou um desejo incontrolável. Sabe-se que uma conduta sexual compulsiva é um vício e deve ser tratado. Se não se decidir por deter esse mal em sua vida, o indivíduo se tornará escravo dele, assim como ocorre com os usuários de bebidas alcoólicas e drogas. Esta é a razão pela qual muitos cristãos, solteiros ou casados, não conseguem se controlar e, mesmo não se relacionando sexualmente com um parceiro(a), temendo cometer pecado, chegam ao hábito de se masturbar com muita frequência. Aquilo que parece ser bom ou prazeroso a princípio torna-se logo como um câncer para a alma e, se não for combatido a tempo, pode levar seus praticantes a uma decadência moral e espiritual de difícil retorno. A compulsão precisa ser tratada algumas vezes por meio de ajuda profissional. Neste estágio do problema, a pessoa dificilmente conseguirá vencer o problema sozinha. Assim acontece com todo tipo de vício, como jogo, bebidas alcoólicas, drogas e sexo. Especialistas afirmam que não existe um caminho único para quem deseja se livrar da dependência ou compulsão. Alguns meios de tratamento ou ajuda apontados por eles são: os grupos e ajuda anônimos, as psicoterapias ou mesmo o uso de remédios administrados por psiquiatras. 

Sabemos, no entanto, que  a libertação pode acontecer por meio da ação de Cristo: “Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeira- mente sereis livres” (Jo 8.36). A princípio, a orientação a ser dada é que o aconselhado faça uma confissão sincera do problema a Deus, deseje ardentemente se libertar, desenvolva uma vida de disciplina pessoal e evite o acesso a sites pornográficos na internet e a outros materiais que despertem e estimulem a prática sexual ilícita. Além disso, aconselha-se que pratique uma vida de devoção a Deus, com leitura bíblica diária e oração. 

Aconselhando pessoas com atitudes homossexuais
O tema homossexualidade é complexo, polêmico e provoca grande conflito moral dentro da Igreja. É ainda pouco discutido abertamente entre os cristãos. Afinal, este é um ato antinatural dentro dos princípios bíblicos. Os escritos bíblicos são muito explícitos sobre o assunto. Em toda a parte, a Bíblia se refere à homossexualidade como um pecado, e não como uma doença (Gn 19; Lv 18.22; 20.13; 1Co 6.9 e 1Tm 1.10). As causas principais da homossexualidade não são muito claras. Porém, existem várias teorias que tentam explicá-las. Vejamos algumas delas:

1) A homossexualidade é apenas um vício – Esta teoria afirma que a pessoa se torna homossexual porque quer. É uma explicação insatisfatória, porque, nesse caso, só seriam homossexuais os tipos corrompidos e libertinos, o que não é verdade. Não há dúvida de que muitos homossexuais o são por vício, mas não todos. 

2) A homossexualidade ocorre por causa de uma aberração genética – Esta teoria tenta explicar a homossexualidade como sendo uma questão hereditária. Assim, a pessoa nasce homossexual por anomalia, por deficiência ou por desvios hereditários. Não existe até hoje nenhuma prova científica de que alguém nasça homossexual. 

3) A homossexualidade surgepor causa de uma disfunção hormonal – Esta teoria procura afirmar que a principal causa da homossexualidade está em uma deficiência no funcionamento de algumas glândulas. Nos manuais internacionais de diagnósticos, a homossexualidade é considerada um “transtorno de identidade de gênero”, termo não aceito por muitos profissionais da área de Psicologia e Psiquiatria, entre outras. Para a maioria dos cristãos, é possível, sim, uma pessoa conseguir superar e vencer suas tendências homossexuais e reverter a orientação sexual, apesar de muitos não acreditarem e até mesmo afirmarem que um homossexual jamais deixará de sê-lo e de se firmar como cristão. Sabemos que, logicamente, não é fácil o abandono da propensão, sobretudo se acompanhada de práticas, já que não depende apenas de a pessoa querer “libertar-se” ou vencer suas inclinações, mas também de um processo com diversas implicações. A pessoa terá uma vida marcada por desafios e tentações imensas, por sofrimento e luta constante consigo mesma. Ela precisará cultivar o fruto do Espírito em sua vida e buscar a cada dia renovar sua mente pela Palavra de Deus.

Como cristãos, defendemos uma orientação ou um aconselhamento bíblico para os que desejam “curar-se” da homossexualidade, visto que, profissionalmente, a Resolução nº 1/99, parágrafo único, do Conselho Federal de Psicologia [considerando que homossexualidade não é opção, e, sim, uma orientação da sexualidade], determina que “os psicólogos não colaborarão com eventos e serviços que proponham tratamento e cura da homossexualidade, já que ela não é considerada doença, nem distúrbio e nem perversão”. Os passos importantes para quem deseja a libertação são:

1) Desejar vencer – Desejar vencer ou dominar os desejos e as paixões carnais (Pv 25.28) não adianta se essa motivação partir de outros (familiares, amigos, igreja) ou mesmo se a pessoa quiser mudar apenas por não se achar aceita pelos demais. 
2) Renunciar a si mesmo – A renúncia pessoal e a negação de si mesmo, como formas de se alcançar a vitória pessoal no dia a dia sobre o impulso da carne (do grego “sarx” – natureza carnal). 
3) Procurar fortalecer-se em Deus – Buscar os dons espirituais e cultivar o fruto de Espírito (Gl 5.22-23), exercendo-os para Deus e por Deus, que compensarão e darão equilíbrio à vida do homossexualredimido e, então, verdadeiramente cristão. É pre ciso submeter-se incondicionalmente ao Espírito Santo andando em Espírito (Gl 5.16).
4) Reestruturação da vida como um todo – É preciso haver uma reorganização da vida, observando os aspectos físicos, psicológicos, sociais e espirituais do indivíduo. De acordo com o texto de Lucas 2.52, “Jesus ia crescendo em sabedoria, estatura e graça diante de Deus e dos homens”. 

Alguns conselhos práticos que podem ser dados são: 

1) Orientar a terem cuidadopara que não sejam influenciados pelos apelos da mídia e se tornem pessoas libertinas e imorais.
2) Mostrar que o sexo é algo palpitante, bom e prazeroso, mas Book que precisa ser feito com amor, com responsabilidade, com a pessoa certa, na hora certa e dentro do matrimônio. 
3) Esclarecer que, com o impulso ou desejo sexual que surge na puberdade, o adolescente pode envolver-se e, por falta de maturidade, entregar-se às sensações eróticas, resultando em traumas emocionais, sentimentos de culpa, além da probabilidade de ma gravidez precoce e inesperada. Tanto o menino como a menina ainda estão, nesse período, passando por várias transformações psicofísicas. Além do mais, o corpo da menina não está ainda preparado para uma gravidez. As conseqüências são drásticas, ainda mais no tocante aos problemas que advirão para as famílias. 
4) Orientar principalmente a viverem de maneira regrada e a controlarem seus impulsos. Embora possa ser difícil, é necessário que o jovem cristão tenha um viver íntegro diante de Deus e dos homens. Ele só conseguirá viver assim com a ajuda do Espírito Santo, procurando, sobretudo, cultivar um relacionamento saudável com Deus, superando sentimentos de culpa, buscando uma renovação da mente, ou seja, substituir as coisas desagradáveis a Deus pelas coisas agradáveis. 
5) Orientar a despender sua energia sexual exercendo atividades físicas e mentais; vencer sentimentos de depressão e ansiedade; ter cuidado com as imagens visuais e mentais, evitando, por exemplo, acessar sites na internet com conteúdos ilícitos (pornográficos e sensuais) e filmes eróticos etc. 
6) Advertir também sobre os riscos do namoro virtual. Com ainovação na forma de namoro atualmente, muitos entendem que os sites de relacionamento podem ser uma opção válida para se encontrar alguém para namorar e casar. Entretanto, precisamos entender que essa prática não substitui encontros em situações não virtuais.
7) Mostrar que mesmo os sites criados especificamente para evangélicos não são totalmente seguros, pois não há critérios para o cadastro das pessoas. Os dados são baseados nas informações passadas pelo internauta. Como não existe um mecanismo  padrão de checagem do status, pode não haver veracidade nas informações postadas ali. É preferível não assumir compromisso de namoro em ambiente virtual. Melhor conhecer um pretendente sabendo informações reais sobre onde mora, quem é a família, e estuda, onde trabalha, onde congrega etc. Esse procedimento pode revelar muitas coisas sobre como esta pessoa é, seus hábitos e preferências, e o que ela anda fazendo.

Conclusão
Nossa missão enquanto líderes é levar o crente “fraco” a compreender o poder do Espírito Santo; ajudá-lo a resistir à tentação e fugir das paixões da carne; ensiná-lo a ter autocontrole e a cultivar o fruto do Espírito, para adquirir o caráter cristão. Mostrar que é importante sermos cuidadosos em todas as áreas de nossas vidas e não nos deixarmos enganar pelos costumes e procedimentos seculares, mas andarmos conforme os princípios ensinados na Palavra de Deus

 Revista GeraçãoJC, Ano XVII, nº 110, CPAD.

Os ataques terroristas de 11 de setembro aconteceram há 18 anos e ainda chamam a atenção histórias de sacrifício e bravura entre os socorristas e ações heroicas dos cidadãos comuns, que ajudaram a resgatar vítimas das torres. Em meio a isso, também há muitas histórias de fé.

Christina Ray Stanton e seu marido, Brian, estavam entre os milhares de nova-iorquinos comuns que testemunharam a tragédia se desdobrar em seu apartamento no centro da cidade.

Ela diz que o evento teve um impacto profundo em sua vida e fé.

“Eu tinha 31 anos na época e pensei: ‘Bem, eu estou no controle da minha vida, no controle do meu futuro. Eu só preciso trabalhar duro e Deus me dará o que eu quero’”, explicou ela à Fox News.

Mas esses pensamentos mudaram em uma manhã fatídica, quando um Boeing 767 sobrevoando a cidade de Nova York e bateu na Torre Sul do World Trade Center. Christina foi testemunha ocular dos ataques e da tragédia que se seguiu.

"Estávamos em nosso terraço, e logo acima do meu ombro direito, o segundo [avião] veio; foi bem na nossa frente, [ele] virou e entrou e [no prédio]; entramos de volta em nosso apartamento, nocauteados", lembou.

Christina conta que ela e o marido imediatamente desceram pelas escadas, correndo, e saíram para a rua, onde ela disse estar "um caos completo e absoluto".

"Nós vamos morrer?", Christina gritou ao marido. Ele respondeu com uma recitação da Oração do Senhor e começou a dizer aquelas famosas palavras: "Pai nosso, que estás no céu..."

Era como assistir a um pesadelo, e a cidade inteira estava imediatamente envolta em pânico e terror.

Vida alterada

“Quando os ataques aconteceram, eu aprendi que, na verdade, não tenho controle”, explicou Christina. "Minha visão de mundo foi totalmente alterada e eu realmente tive que recomeçar desde o início: 'Quem sou eu?’ e ‘E quem sou eu em Cristo?’”, contou.

Christina, que trabalhava como guia da cidade de Nova York na época, disse que mesmo sendo cristã, realmente não havia "internalizado a Bíblia".

Ela conta que o 11 de Setembro mudou todos os aspectos de como ela pensava e para onde sua vida estava indo.

Mas Christina conta que demorou uma década inteira, após o incidente, para que o trauma e o impacto daquele dia chegassem realmente em sua casa.

Ela foi convidada a relembrar sua experiência e o impacto o ataque terrorista teve em sua fé durante um culto da Igreja que marcava o aniversário de dez anos do 11 de setembro.

Christina conta que foi como "tirar o pó" das memórias antigas, o que trouxe de volta uma série de sentimentos.

"Fiquei realmente deprimida por vários meses depois de prestar esse testemunho", explicou ela. "Mas isso me fez querer explorar mais sobre meus sentimentos sobre o assunto, anotá-lo e compartilhá-lo com outras pessoas".

Christina continuou a escrever seu livro, intitulado “Fora da sombra do 11 de Setembro: um conto inspirador de fuga e transformação”.

Ministério

O impacto principal na vida de Christina foi sua nova função na sociedade. Ela deixou de ser guia turística e passou se tornou a diretora de missões em sua igreja, tendo se lançado ao ministério após uma experiência tão horrenda.

Seu marido, Brian, também foi profundamente impactado - ele deixou um emprego financeiro de alto nível em Wall Street para se tornar o diretor financeiro de sua igreja.

"Espero que ele escreva um livro sobre sua história", disse Christina. "Ele basicamente saiu da mesma maneira que eu. Realmente tendo que olhar dentro de nós mesmos e pensar: 'em que acreditávamos antes e no que acreditamos agora?'"

"Ele passou pelo mesmo processo que eu. [Foi] seu processo de se reconectar com Deus, perceber quem Deus é para ele, que o ajudou a mudar sua carreira", acrescentou.

Christina disse que Brian acabou decidindo que queria algo novo e disse: “Eu realmente quero fazer a diferença neste mundo, quero ajudar os outros e quero um relacionamento próximo com Deus”. Ela conta que eles sentiram que “Deus o levou a essa carreira.”

Sábado, 15 Junho 2019 16:42

Como Deixar a Pornografia

Como Vencer a Pornografia: 40 Versículos Bíblicos Para Se Libertar Desse Vicio

A pornografia é um mal que ataca a sociedade como um câncer, e tristemente vemos que ela tem ganhado terreno em lares cristãos. A pornografia é a desgraça mais terrível e temível do século moderno, porque destrói a base e o fundamento da sociedade que é a família. Não há outro pecado que escravize mais do que a maldita pornografia!
Hoje escutava um casal na qual têm 34 anos de casados passando por esse problema. A mulher com lagrimas nos olhos gritava dizendo: Esse homem está me traindo! Esse homem está me traindo! (referindo-se ao seu marido) que é viciado em pornografias . Por isso digo que é Maldita a pornografia!

Vou recordar um pouco de minhas aulas de grego e compartir com vocês o que significa a palavra pornografia:

Porno (Porne)= Prostituta, Grafia( Grafho)= Escrever

Essa palavra se utiliza nos anos de 1.800 para descrever os livros ou qualquer literatura com conteúdo sexual. Em nossa época, a palavra se estendeu aos filmes, televisão, revistas e todo meio de comunicação.

Por essa razão, a mulher na qual me procurou dizia que seu marido estava enganando-a com outra “maldita”, porque parte da palavra tem a ver com “Prostituta” e isso é “Adultério”.

Há homens “cristãos” que se negam a abandonar seu pecado, e alguns pastores depois de tratar esse mal com o casal por anos, e não ver nenhuma saída, acabam aconselhando a mulher separar-se de seu marido.

A pornografia em casa, ou fora dela, seja casado (ou não) é um ato de ALTA TRAIÇÃO contra sua esposa e sua família (ou contra sua vida, se for solteiro).

Muitos pensam que a pornografia é um jogo na qual acendem e apagam quando querem, talvez no princípio seja dessa forma, mas ela começa pouco a pouco a tomar literalmente o controle de TUDO em sua vida, e então você começa a viver em função de pornografia para recorrer as novidades e obscuras derivações.

Homem e mulher que me leem, sim, você mulher! Porque hoje em dia, alguns estudos dizem que a mulher consome mais pornô que o homem. Quero dizer a ambos, que quando você convida a pornografia para entrar em casa, está dando ao diabo legalidade para destruir seu lar, e toda sua família é afetada direta ou indiretamente com esse mal.

Por exemplo: Se um menino de 5 anos, começa a ter contato com a pornografia, ele terá um desenvolvimento emocional e psicológico com MUITOS problemas e traumas em sua vida à curto prazo.

É muito provável que por causa de uma exposição excessiva a pornografia, ele se converta em um abusador ou abusado (sexual), assim como também poderá ter problemas enormes de identidade, levando a uma provável homossexualidade, ou se tornando em um “macho” que maltrata as mulheres, podendo chegar a cometer algum tipo de atrocidade nas quais vemos os jornais repletos hoje em dia.

Ah sim…, a pornografia produz: Doentes mentais! Não retardo mental! As pessoas ficam doentes de ver sexo e mais sexo e diferentes aberrações.

Se você homem ou mulher, está metido (a) na pornografia, esse é o tempo de sair!
Quero hoje deixar não as minhas palavras com respeito a esse tema, mas sim as palavras de Deus, na qual te ama e me enviou para escrever essa mensagem de amor especial para você.

Jesus te Ama e deseja romper suas cadeias. Satanás quer destruir sua vida, e a pornografia é filha do diabo, e se você se casar com ela, terá satanás como sogro. Não esqueça que se você der um dedo a satanás, ele tomara seu braço inteiro. Mas Jesus está aqui para te perdoar, amar e ajudar. Hoje é o dia da tua libertação e vitória!

Quero deixar esses 40 conselhos sobre como deixar a pornografia, na verdade são 40 versículos Bíblicos sobre esse tema, mas eu os chamo de conselhos para deixar a pornografia; porque Deus nos fala através de sua palavra para nosso proveito, e acredito firmemente que hoje não será exceção.

 

Desejo de todo coração que leia esses conselhos que te ajudaram a deixar a pornografia.

Tenha uma Bíblia de lado quando for lendo, e anote e marque todos esses versículos bíblicos com um marcador se possível vermelho para não esquecer e nem perder de vista.

Leia, medite e declare, mas acima de tudo creia de dia e de noite.

Creia atuando neles cada momento, se fizer isso Deus te respaldará. E em cada momento de tentação ele te dará a saída para não cair.

Se cair, não deixes de tentar novamente, uma e outra vez, pois bem disse a palavra: 7 vezes cai o justo e o Senhor o levanta !!!

Meu conselho é:

Consuma a palavra até que a palavra te consuma!

Busca uma pessoa de confiança para contar seu problema e seus avanços (Que seja uma pessoa madura) um homem de Deus que possa orar por ti e supervisar seus fracassos e conquistas.

Bom, aqui vem o mais importante: o que te fará livre é a palavra de Deus!

1) Purifica seu coração para que seus olhos vejam a luz

Mateus 5:28 -Mas eu lhes digo: qualquer que olhar para uma mulher para desejá-la, já cometeu adultério com ela no seu coração.

2) Fuja da pornografia porque é o mesmo diabo, corre e saia do lugar

1 Corintios 6:18-20 Fujam da imoralidade sexual. Todos os outros pecados que alguém comete, fora do corpo os comete; mas quem peca sexualmente, peca contra o seu próprio corpo.

3) Guarda seus olhos de ver pornografia, independente de qualquer circunstancias ou situação. 

 Salmos 119:37 -Desvia os meus olhos das coisas inúteis; faze-me viver nos caminhos que traçaste.

4) No momento que a tentação venha para ver pornografia, concentre-se na válvula de escape, Deus colocará para te ajudar. 

1 Corintios 10:13– Não sobreveio a vocês tentação que não fosse comum aos homens. E Deus é fiel; ele não permitirá que vocês sejam tentados além do que podem suportar. Mas, quando forem tentados, ele lhes providenciará um escape, para que o possam suportar.

5) Alimente seu espirito mais do que a sua carne! Lembre-se: Lixo que entra,lixo que sai.

1 João 2:16 Pois tudo o que há no mundo — a cobiça da carne, a cobiça dos olhos e a ostentação dos bens — não provém do Pai, mas do mundo.

6) Guarda sua mente ! Usa teu espirito,alma e corpo para pensar em tudo o que é bom, honesto ,puro e santo! 

Filipenses 4: Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável, tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou digno de louvor, pensem nessas coisas.

7) Tire a roupa suja da pornografia e se revista da Armadura de Deus!

Efésios 6:11 Vistam toda a armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do diabo,

8) Recorde que Deus ama o casamento. Você deve amar o que Ele ama.

Hebreus 13:40– casamento deve ser honrado por todos; o leito conjugal, conservado puro; pois Deus julgará os imorais e os adúlteros.

9) A pornografia é uma evidencia de sua vida e comunhão com Deus, saia disso AGORA! 

Gálatas 5:19– Ora, as obras da carne são manifestas: imoralidade sexual, impureza e libertinagem;

10) Deixa de pecar, isso afeta seriamente sua saúde física e espiritual

1 Corintios 6:18 Fujam da imoralidade sexual. Todos os outros pecados que alguém comete, fora do corpo os comete; mas quem peca sexualmente, peca contra o seu próprio corpo.

11) Limpa seus caminhos sujos com a palavra de Deus, e fale a palavra no momento da tentação!                                              

Salmos 119:9-10 – Como pode o jovem manter pura a sua conduta? Vivendo de acordo com a tua palavra.

12) Tenha uma mentalidade de Reino de Deus e Herança.   

1 Corintios 6:9 Vocês não sabem que os perversos não herdarão o Reino de Deus? Não se deixem enganar: nem imorais, nem idólatras, nem adúlteros, nem homossexuais passivos ou ativos,

13) Não se deixe seduzir, pois o final é a norte

Provérbios 7:21-27 Com a sedução das palavras o persuadiu, e o atraiu com o dulçor dos lábios.Imediatamente ele a seguiu como o boi levado ao matadouro, ou como o cervo que vai cair no laço até que uma flecha lhe atravesse o fígado, ou como o pássaro que salta para dentro do alçapão, sem saber que isso lhe custará a vida.Então, meu filho, ouça-me; dê atenção às minhas palavras.Não deixe que o seu coração se volte para os caminhos dela, nem se perca em tais veredas.Muitas foram as suas vítimas; os que matou são uma grande multidão.A casa dela é um caminho que desce para a sepultura, para as moradas da morte.

14) Faça uma aliança com seus olhos para ver o que é bom

Jó 31:1– Fiz aliança com os meus olhos; como, pois, os fixaria numa virgem?

15) Não esqueça nunca que seu corpo não foi desenhado para a pornografia , muito menos para a fornicação.                                   

1 Corintios 6:13 “Os alimentos foram feitos para o estômago e o estômago para os alimentos”, mas Deus destruirá ambos. O corpo, porém, não é para a imoralidade, mas para o Senhor, e o Senhor para o corpo.

16) Aceita seu pecado, reconhece e se arrependa, não dê lugar a soberba

Tiago 4:6 Antes, ele dá maior graça. Portanto diz: Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes.

17) Não se deixe seduzir com sua “formosura”                           

Provérbios 6:25 Não cobices no teu coração a sua formosura, nem te prendas aos seus olhos.

18) Apresente seu corpo santo a Deus cada dia   

Romanos 12:1 Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional.

19) 1 Tessalonicenses 4:3 -A vontade de Deus é que vocês sejam santificados: abstenham-se da imoralidade sexual.

20) Apocalipse 14:12 Aqui está a perseverança dos santos que obedecem aos mandamentos de Deus e permanecem fiéis a Jesus.

21) Ezequiel 23:14 E aumentou as suas fornicações, porque viu homens pintados na parede, imagens dos caldeus, pintadas de vermelho;

22) Levítico 20:6 Quando alguém se virar para os adivinhadores e encantadores, para se prostituir com eles, eu porei a minha face contra ele, e o extirparei do meio do seu povo.

23)Habacuque 2:15 “Ai daquele que dá bebida ao seu próximo, misturando-a com o seu furor, até que ele fique bêbado, para lhe contemplar a nudez.

24) João 14:15 “Se vocês me amam, obedecerão aos meus mandamentos.

25) Mateus 19:9 Eu lhes digo que todo aquele que se divorciar de sua mulher, exceto por imoralidade sexual, e se casar com outra mulher, estará cometendo adultério”.

26)Apocalipse 21:8 Mas os covardes, os incrédulos, os depravados, os assassinos, os que cometem imoralidade sexual, os que praticam feitiçaria, os idólatras e todos os mentirosos — o lugar deles será no lago de fogo que arde com enxofre. Esta é a segunda morte”.

27) Salmos 18:16 Das alturas estendeu a mão e me segurou; tirou-me das águas profundas.

28) Romanos 13:13 Comportemo-nos com decência, como quem age à luz do dia, não em orgias e bebedeiras, não em imoralidade sexual e depravação, não em desavença e inveja.

29) Salmos 101:3 Não porei coisa má diante dos meus olhos. Odeio a obra daqueles que se desviam; não se me pegará a mim.

30) Efésios 5:11 Não participem das obras infrutíferas das trevas; antes, exponham-nas à luz.

31) Mateus 5:32 Mas eu lhes digo que todo aquele que se divorciar de sua mulher, exceto por imoralidade sexual, faz que ela se torne adúltera, e quem se casar com a mulher divorciada estará cometendo adultério”.

32)João 8:31 Disse Jesus aos judeus que haviam crido nele: “Se vocês permanecerem firmes na minha palavra, verdadeiramente serão meus discípulos.

33) Mateus 6:1 “Tenham o cuidado de não praticar suas ‘obras de justiça’ diante dos outros para serem vistos por eles. Se fizerem isso, vocês não terão nenhuma recompensa do Pai celestial.

34) Mateus 6:22 “Os olhos são a candeia do corpo. Se os seus olhos forem bons, todo o seu corpo será cheio de luz.

35) Gênesis 6:1-22 E aconteceu que, como os homens começaram a multiplicar-se sobre a face da terra, e lhes nasceram filhas,

36) 1 Pedro 4:3 No passado vocês já gastaram tempo suficiente fazendo o que agrada aos pagãos. Naquele tempo vocês viviam em libertinagem, na sensualidade, nas bebedeiras, orgias e farras, e na idolatria repugnante.

37) Efésios 4:30 E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o dia da redenção.

38) 1 Pedro 2:11 Amados, insisto em que, como estrangeiros e peregrinos no mundo, vocês se abstenham dos desejos carnais que guerreiam contra a alma.

39) Efésios 2:3 Anteriormente, todos nós também vivíamos entre eles, satisfazendo as vontades da nossa carne, seguindo os seus desejos e pensamentos. Como os outros, éramos por natureza merecedores da ira.

40) Mateus 25:1-46 Então o reino dos céus será semelhante a dez virgens que, tomando as suas lâmpadas, saíram ao encontro do esposo.

Espero que esses versículos e conselhos tenham lhe ajudado. Se desejas compartilhar conosco sua experiência através do comentário, fique a vontade, ou se preferir pode se comunicar-se comigo através do e-mail, terei um prazer em ajuda-lo.

Não demore, pois há algo precioso que Deus deseja fazer em ti, a favor de muita gente!

Domingo, 01 Setembro 2019 16:39

Setembro Amarelo

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, comandado por Damares Alves, acaba de lançar nesta terça-feira (10) campanha de combate ao suicídio e à automutilação de crianças e jovens.

Damares escreveu em seu perfil no Twitter que “nossa campanha #AcolhaaVida está linda. Agradeço ao Bernardinho, ao Lars Grael, à Regina Duarte e à Luiza Brunet por terem participado voluntariamente.”

A ministra estimulou as pessoas a participarem da campanha: “Gente, vamos transformar esse #SetembroAmarelo em sinônimo de valorização da vida.”

suicídio é a segunda causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos no mundo, atrás apenas de acidentes de trânsito. E a cada 40 segundos uma pessoa se suicida, sendo que 79% dos casos se concentram em países de baixa e média renda. Esses e outros dados fazem parte de um novo relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS), divulgado na segunda-feira (9) véspera do Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio (10 de setembro).

Quando olhamos para uma faixa etária ainda mais jovem - de 15 a 19 anos -, o suicídio aparece como segunda causa de mortes entre as meninas, após as complicações na gravidez, e a terceira entre meninos, depois de acidentes de trânsito e violência.

A OMS estima que cerca de 800 mil pessoas morrem por suicídio por ano - os números do relatório são referentes a 2016. No Brasil, foram registrados 13.467 casos, a grande maioria - 10.203 - entre homens, segundo a entidade.

Campanha

Foram gravados vídeos, com atrizes e atletas, para alertar sobre sinais que possam indicar sofrimento severo.

Participam da campanha as atrizes Luiza Brunet e Regina Duarte, além do velejador Lars Grael e do técnico de vôlei Bernardinho. Todos participaram de forma voluntária.

Na peça, Bernardinho alerta que quem se automutila não está “querendo de atenção”. “Pode ser sinal de uma dor profunda”, afirma.

O vídeo encerra com o slogan da campanha; “Se envolva, ame, abrace, acolha a vida”.

A campanha será iniciada nesta terça-feira, 10, no Auditório Nereu Ramos da Câmara dos Deputados. Os quatro foram convidados a participar da solenidade, organizada pela ministra Damares Alves em parceria com a Frente Parlamentar de Combate ao Suicídio e Automutilação.

Assista:

Sexta, 05 Julho 2019 23:43

Uni Líderes 2019

Quarta, 01 Mai 2019 23:40

MSCD 2019

Terça, 05 Fevereiro 2019 23:36

UMADEB 2019

Página 1 de 7